As 2 razões principais para binge e como parar

Estava o dia a correr tão bem e chegaste ao final do dia e BOOM, descontrolaste-te completamente na tua alimentação. Isto significa que tiveste um episódio de binge (ou de compulsão).

Sentes-te frustrada e, mesmo depois de ficares sem apetite e de não teres fome, continuas a comer. Comes muito para lá do normal e aproveitas a onda e experimentas as comidas e alimentos que normalmente não costumas consumir. Muitas vezes chegas a ficar mal disposta, com vergonha e o sentimento de culpa é tal que isto acontece enquanto estás sozinha. Isolas-te de todos e evitas ser social nestas ocasiões. Sabes que não podes continuar assim e estes comportamentos não são sustentáveis. Mereces mais. E podes ter mais.

Eu já fui assim, desde pequena que comia às escondidas, a adulta que a restrição era tanta que não me controlava em momentos específicos. E, por cima de tudo isso, usava a comida como conforto.

Existem 2 razões principais pelas quais um binge pode acontecer e neste artigo vamos compreender quais são.

(compreende aqui a diferença entre um episódio de binge e Compulsão Alimentar crónica)


binge: como controlar

Binge e compulsão: as 2 razões


Razão biológica

Uma das razões principais é extrema restrição e rigidez perante a comida. O teu corpo está a mandar sinais muito fortes para comeres porque a privação de energia e nutrição é tal, que quando te permites comer não consegues parar. Já referi várias vezes: comer é uma necessidade natural, tal como respirar. Se suprimires a respiração durante muito tempo, ou se respirares só aos pouquinhos, quando realmente te permitires respirar vais encher os pulmões de forma automática. Vai chegar a uma altura que não aguentas mais e VAIS precisar de respirar. O mesmo acontece com a nossa alimentação. Mais cedo ou mais tarde (há quem aguente viver assim dias, há quem aguente anos) vais precisar de acabar com os enormes impulsos que tens para comer.

Na realidade, este mecanismo é algo fenomenal porque é um instinto de sobrevivência. Sem respirar, sem dormir, sem ir à casa de banho, sem comer morreríamos. Daí o corpo ter mecanismos para nos despertar a vontade para satisfazer essas necessidades. Ele não sabe que te estás a privar de comida voluntariamente. Ele, na realidade, não sabe que se quiseres podes ir ao supermercado e comer imediatamente. Ele acha que estás sem possibilidade de te alimentares, por isso quando o finalmente fazes, naturalmente comes demais.

(para melhor compreenderes este fenómeno, podes aprender neste artigo)


A solução para binge biológico

Naturalmente, comer o suficiente para te sentires bem física e EMOCIONALMENTE. O primeiro passo é reconectares-te com o teu corpo e rejeitar a mentalidade de dieta. Uma nova dieta só vai dar regras e restrições, permitindo-te viver de forma limitada e insatisfatória a longo prazo. Daí estares a ler este artigo. Já viveste o ciclo das dietas e sabes que isso não é sustentável.

Tens de alimentar o teu corpo sem medos, sem regras, sem restrições, e comer intuitivamente. Podes compreender melhor sobre este processo aqui.


Razões emocionais

A outra razão pela qual podes perder o controlo na tua alimentação é porque estás a evitar, a adormecer, a mascarar, a adiar (etc) sentir determinado sentimento ou lidar com determinada situação. Recorres à comida para te fazer esquecer, para te ajudar a descansar de um dia caótico, para teres um momento TEU.

Essas é considerado comer as emoções ou comer pelas emoções.

Solução

Primeiro que tudo, não te julgues. Não és menos, não és uma fraca, não és lixo. Mereces amor, mereces ser ouvida e tens valor. Comer é a maneira que tu encontraste para lidar (e sobreviver ) a determinadas situações ao longo da tua vida. Todos temos mecanismos para lidar com situações difíceis e o teu mecanismo é comer. É difícil de superar, mas é possível. De forma a viveres e sentires as tuas emoções (e redescobrires o prazer de comer sem culpa nem dramas).

Mereces isso. Comer intuitivamente também te vai ajudar neste campo. Podes também fazer um exercício que me ajudou e que ensino a todas as minhas clientes que comem emocionalmente. Podes encontrá-lo aqui. Acredita, não estás sozinha e é bastante normal.

Muitas mulheres precisam de ajuda a superar tanto o binge (compulsões e descontrolos mais esporádicos), como as compulsões crónicas. Se precisas de ajuda a finalmente acabares com esse ciclo vicioso e a reclamar a tua VIDA podes ver aqui em detalhe como te vou ajudar!

Segue-me no Instagram!

Usa o meu cupão para descontos e presentes grátis na ZUMUB, PROZIS E EU NUTRITION

Copy of 10% zumub.png
10% prozis.png
_10% eu nutrition.png

Copywright© 2020 de Joana Amaral

 

Todos os direitos reservados. Este site ou qualquer parte integrante do mesmo não pode ser reproduzido sem a autorização expressa da autora, seja para fins pessoais ou comerciais.

Política de Privacidade

Termos e Condições

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Pinterest
  • Preto Ícone RSS